Quem ama cuida: como fazer o presente de Dia das Mães tornar-se algo mais duradouro

0
343

Que as flores estão entre as opções mais escolhidas para presentear no Dia das Mães, isso não é segredo para ninguém. Pesquisas apontam que esta é uma das principais datas do ano que movimento o setor, impactando não só quem comercializa, mas principalmente quem produz. O que tem crescido mais, no entanto, é a preferência por dar de presente um vaso plantado, ao invés de um buque ou arranjo, tornando dessa forma o presente, em algo mais “duradouro”.

As opções são diversas e com preços variados, que podem ser mais em conta no caso de vasos mais populares e menores, até as mais raras que por consequência tem um valor mais elevado. Adquirir um vaso de planta em uma floricultura ou supermercado, representa em média um investimento em torno de R$ 40. E entre as espécies que costumam fazer sucesso entre as mães, não podemos deixar de citar a Orquídea. Mesmo entre elas, há opções para todos os bolsos, pois além dos diversos tipos de orquídeas disponíveis, é possível também optar por comprar uma “muda” da planta, ou até mesmo um vaso que ainda não esteja florido, que acabam sendo opções mais baratas.

Especializada no cuidado com as plantas, a Forth Jardim é uma grande aliada de quem resolve se dedicar a jardinagem caseira. Seja com seu portfólio extenso de produtos, destinados a diversas espécies e para variadas finalidades, ou dando suporte com conteúdos distribuídos em seu site e redes sociais, a marca tem um trabalho intenso para cumprir o seu objetivo que é: “fazer com que cada vez mais pessoas se apaixonem pelas plantas”.

E pensando nos filhos que gostam da ideia do vaso de planta, para presentear neste Dia das Mães, o engenheiro agrônomo da Forth Jardim, Marcos Estevão Feliciano, separou algumas dicas:

Recipiente: quando compramos um vasinho para presentear, é preciso levar em consideração o potencial de crescimento da espécie que foi escolhida. Para se desenvolver a planta precisa de espaço, por isso é possível que dentro de poucos dias já seja necessário pensar em replantá-la em um vaso maior.

Base: e complementando a necessidade de um recipiente maior, no caso de ser feito o replantio, será necessário também uma “base” para preenchê-lo. Neste caso, um substrato de qualidade pode ajudar bastante, já que ao contrário da terra comum, trata-se de uma opção melhor que a terra e que pode fornecer mais nutrientes para a planta.

Nutrição: além das regas frequentes, a luz adequada, levando em consideração as necessidades específicas da espécie que foi escolhida, é importante lembrar que as plantas também precisam de nutrientes extras de tempo em tempo. Realizar uma boa adubação periodicamente é indicado para mantê-la sempre saudável.

Proteger e Embelezar: de acordo com cada espécie também podem ir surgindo ao longo do tempo outras necessidades. Devemos por exemplo ficar atento, caso surja alguma praga ou doença na planta, para eliminar o quanto antes e não deixar a planta ficar doente ou morrer. E há ainda algumas opções para quem quer deixar a planta ainda mais bonita, existem produtos “embelezadores”, como o brilha folha que deixa as folhagens brilhantes e sem poeira.

“Assim como as mães cuidam dos filhos, principalmente quando são pequenos, se preocupando com cuidados como: alimentação, higiene e a saúde, mantendo as vacinas e consultas em dia, para garantir que eles se desenvolvam bem, as plantas também precisam desse tipo de atenção. Então porque não junto com o vaso que escolhemos para presentear, aproveitarmos para complementar o presente? Dá para montar um kit de produtos específicos para aquela espécie, procurarmos saber mais o daquela planta, do que ela precisa, é um tipo de “carinho extra”, que eu tenho certeza de que torna o presente ainda mais especial. Afinal, quem ama cuida”. finaliza o engenheiro agrônomo da Forth Jardim.

 Foto: Divulgação