Black Friday do Center Norte oferece descontos de até 70%

0
421

A Black Friday, tradicional data do varejo e muito esperada por milhares de consumidores, chegou ao Center Norte, mais completo shopping da região norte de São Paulo. Até o próximo dia 27, os clientes têm a oportunidade de adquirir produtos que estão na sua lista de desejos, como roupas, acessórios, calçados, cosméticos e telecomunicação, com descontos de até 70%.

“Para os consumidores que estão em busca de ofertas nos setores de calçados e vestuário, a Arezzo e a Aramis, têm descontos de até 40%. As lojas Carter’s e Kiko Milano abaixaram os preços em até 50%. Já as lojas Imaginarium e Granado estão com promoções entre 60% e 70%, respectivamente”.

Além dos tradicionais descontos dos lojistas, o Shopping Center Norte conta com uma campanha promocional, para incentivar a torcida durante os jogos da seleção brasileira e impulsionar as vendas. A cada R$ 300 em compras, os clientes são presenteados com um par de meias divertidas Joker e vão concorrer no sorteio de 10 kits, que contemplam um voucher da Centauro no valor de R$350, TV 70 polegadas e um kit Claro Casa Conectada (adaptador tomada, lâmpada, câmera e central de controle para automatização da casa) para acompanhar os jogos da seleção brasileira.

As novidades não param por aí, o aplicativo do Center Norte traz promoções e benefícios exclusivos durante o período, entre eles, o desconto de 50% para clientes que pagarem o estacionamento pelo app nos dias 25, 26 e 27 de novembro.

Para Vanessa Lino, gerente de Marketing do Shopping Center Norte, a Black Friday inaugura o tradicional calendário do varejo de final de ano, com promoções que levam os consumidores a adquirir os itens que estão na sua lista de desejos. “A Black Friday este ano está em sintonia com o maior evento de futebol do mundo. Faz total sentido oferecermos além da melhor experiência de compra, uma ação ligada ao evento. Além de impulsionar as compras, estamos incentivando também a torcida durante os jogos da seleção, declarou a executiva. 

Foto: Pixabay